A correlação da causalidade na banalização do mal e na falência do bem