1Falou mais o Senhor a Moisés, dizendo:

2Fala aos filhos de Israel e dize-lhes: Eu sou o Senhor, vosso Deus.

3Não fareis segundo as obras da terra do Egito, em que habitastes, nem fareis segundo as obras da terra de Canaã, para a qual eu vos levo, nem andareis nos seus estatutos.

4Fareis conforme os meus juízos e os meus estatutos guardareis, para andardes neles. Eu sou o Senhor, vosso Deus.

5Portanto, os meus estatutos e os meus juízos guardareis; os quais, fazendo-os o homem, viverá por eles. Eu sou o Senhor.

6Nenhum homem se chegará a qualquer parenta da sua carne para descobrir a sua nudez. Eu sou o Senhor.

7Não descobrirás a nudez de teu pai e de tua mãe; ela é tua mãe; não descobrirás a sua nudez.

8Não descobrirás a nudez da mulher de teu pai.

9A nudez de tua irmã, filha de teu pai ou filha de tua mãe, nascida em casa ou fora da casa, a sua nudez não descobrirás.

10A nudez da filha do teu filho ou da filha da tua filha, a sua nudez não descobrirás, porque é tua nudez.

11A nudez da filha da mulher de teu pai, gerada de teu pai (ela é tua irmã), a sua nudez não descobrirás.

12A nudez da irmã de teu pai não descobrirás; ela é parenta de teu pai.

13A nudez da irmã de tua mãe não descobrirás, pois ela é parenta de tua mãe.

14A nudez do irmão de teu pai não descobrirás; não te chegarás à sua mulher; ela é tua tia.

15A nudez de tua nora não descobrirás; ela é mulher de teu filho; não descobrirás a sua nudez.

16A nudez da mulher de teu irmão não descobrirás; é a nudez de teu irmão.

17A nudez de uma mulher e de sua filha não descobrirás; não tomarás a filha de seu filho, nem a filha de sua filha, para descobrir a sua nudez; parentas são: maldade é.

18E não tomarás uma mulher com sua irmã, para afligi-la, descobrindo a sua nudez com ela na sua vida.

19E não te chegarás à mulher durante a separação da sua imundícia, para descobrir a sua nudez,

20nem te deitarás com a mulher de teu próximo para cópula, para te contaminares com ela.

21E da tua semente não darás para a fazer passar pelo fogo perante Moloque; e não profanarás o nome de teu Deus. Eu sou o Senhor.

22Com varão te não deitarás, como se fosse mulher: abominação é;

23nem te deitarás com um animal, para te contaminares com ele; nem a mulher se porá perante um animal, para ajuntar-se com ele: confusão é.

24Com nenhuma destas coisas vos contamineis, porque em todas estas coisas se contaminaram as gentes que eu lanço fora de diante da vossa face.

25Pelo que a terra está contaminada; e eu visitarei sobre ela a sua iniquidade, e a terra vomitará os seus moradores.

26Porém vós guardareis os meus estatutos e os meus juízos, e nenhuma dessas abominações fareis nem o natural, nem o estrangeiro que peregrina entre vós;

27porque todas estas abominações fizeram os homens desta terra, que nela estavam antes de vós; e a terra foi contaminada.

28Para que a terra vos não vomite, havendo-a vós contaminado, como vomitou a gente que nela estava antes de vós.

29Porém qualquer que fizer alguma dessas abominações, as almas que as fizerem serão extirpadas do seu povo.

30Portanto, guardareis o meu mandado, não fazendo nenhum dos estatutos abomináveis que se fizeram antes de vós, e não vos contamineis com eles. Eu sou o Senhor, vosso Deus.