Se não aceitar Jesus, o que me pode acontecer?

Salvação

A Bíblia responde...

Deus deseja a salvação de cada ser humano. Não faz aceção de pessoas. E não prefere uns em detrimento de outros, pois há lugar para todos (Atos 10: 34). Tudo fez e faz pela nossa salvação, mas não pode obrigar-nos a aceitar Seu plano (Zacarias 4: 6). Desde sempre, Deus concedeu ao ser humano o livre arbítrio, e cabe a nós exercer nossa liberdade de escolha (Apocalipse 3: 20). Não há vários caminhos para o sucesso, só um. Com amor, Deus alerta-nos para a responsabilidade que repousa sobre cada um de nós e das consequências que nos advêm caso façamos outra escolha. Agora, tal como no passado, qualquer alternativa criada pelo homem ao plano divino está destinada ao fracasso (Génesis 4: 5 – 7).


A salvação de cada ser humano terá sempre por base o sacrifício de Jesus na cruz do calvário (Romanos 6: 23), “Em quem temos a redenção pelo seu sangue, a remissão das ofensas, segundo as riquezas da sua graça” Efésios 1: 7. N’Ele recebemos a vida (1 João 5: 12). Mais ninguém pode conceder-me a salvação eterna, pois ela só existe em Jesus. “E em nenhum outro há salvação, porque também debaixo do céu nenhum outro nome há, dado entre os homens, pelo qual devamos ser salvos” Atos 4: 12. Se compreendemos o que nos é oferecido em Jesus, se O desprezamos ou negligenciamos a possibilidade de O conhecermos, nenhuma esperança nos restará pois “como escaparemos nós, se não atentarmos para uma tão grande salvação, a qual, começando a ser anunciada pelo Senhor, foi-nos, depois, confirmada pelos que a ouviram” Hebreus 2: 3. Não aceitar o plano de Deus é dizer não à vida eterna num mundo perfeito (Apocalipse 21: 4). Se O aceitarmos, Jesus não é um tipo de amuleto que abre todas as portas. Salvação subentende um relacionamento (João 17: 3) e uma transformação do nosso ser (2 Coríntios 5: 17). Por isso, aceitar Jesus, significa entregar-Lhe a vida e sujeitar-me à sabedoria da Sua vontade. Significa que em tudo e em todo o lugar desejamos viver com Cristo e de acordo com a Sua Palavra os Seus valores e princípios. Essa é a postura natural de quem já aceitou a oferta de Salvação em Cristo Jesus (João 14: 15).